25.4.09

Olhos com desejo de céu

Meio que repentinamente me olha e pergunta: "Mas o que é que faz o avião voar?"

Foi em um daqueles momentos em que você definitivamente não esta preparado pra uma pergunta profunda desse âmbito. A van que me levava ao destino carioca trilhava seu caminho sobre a ponte enquanto aquele rosto definitivamente com traços nordestinos se fazia do meu rosto alvo.

Os olhos eram de um azul celeste que contrastava em absoluto com sua pele bronzeada, talvez pra refletir o desejo de céu que tinha dentro de si.

E eu, no momento, preocupado com o trânsito e desprovido momentaneamente de qualquer tipo de sensibilidade dei uma resposta qualquer tentando inocentemente apagar o ânimo do rapaz: "As asas?"

Fez uma cara de humildade, com uma pitada de desaprovação e muito de desapontamento. Aquela não era a resposta certa.

"São as turbinas, né? Queria trabalhar com isso. Essa ciência de avião." Dizia com um sorriso infantil bobo, que o ser humano de sexo masculino nunca perde por inteiro.

Voltou a olhar maravilhado pra aquelas turbinas, asas e toneladas que deslizavam com tanta leveza sobre o nada.

"Rapaz, você me deixa no JB?"

5 comentários:

Rebeca dos Anjos disse...

Ôba! Até que enfim texto novo!!!

Saudade de ler sua letras, sempre fontes de delicadeza...

Beeeijo.

ludmilesca disse...

Rapaz cheio de sol esse em? :)

Rodrigo disse...

Comentei faz pouco tempo, com um amigo, sobre essa coisa de o homem nunca perder por completo o ar de menino.

Sobre o fascínio causado pelo que voa, faz parte do nosso imaginário. Mas voar é para os pássaros, rs!

Renata Braga disse...

Nunca... nunca mesmo, devemos esquecer a criança que existe dentro de nós.


Saudadeeee dos teus textos querido!


Bejoss

* não demore tanto da próxima vez

Bia Maia disse...

Fantástico seu blog...à começar pelo nome...

OFICINA DO OLHAR

Magnífico!
Faço questão de convidá-lo `estar em meu cantinho onde coloco as minhas verdades com muito amor, paixão, coragem e vontade!

OLHAR DENTRO DOS OLHOS

Passo a lhe seguir...

Beijos com carinho,

Bia Maia

http://olhardentrodosolgos.blogspot.com